PAPO TÁTICO: Vitória 1 x 2 Chapecoense

Com a demissão do técnico Alexandre Gallo, coube a Flávio Tanajura a missão de comandar o Vitória diante da Chapecoense no Barradão, em jogo válido pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro.


Diferente do que vinha fazendo Gallo, Flávio optou por colocar em campo um time mais leve, formando o Vitória com: Caique; Caique Sá, Wallace, Kanu e Geferson; Felipe Soutto, Correia, Yago, Carlos Eduardo e Neilton; Tréllez.


Flávio optou por atuar no 4-2-3-1, os dois volantes sendo Correia e Felipe Soutto, Neilton e Yago pelas pontas, Carlos Eduardo centralizado, com Tréllez no comando de ataque.
O Vitória chegou a ter 67% de posse de bola no início da partida, era quem tomava as rédeas e tentava propor o jogo. Por outro lado a Chape veio com uma proposta reativa marcando em bloco médio baixo e esperando o Vitória, que apesar da posse, criava muito pouco.

Para poder continuar lendo este e todos os conteúdos completos, seja nosso assinante por apenas R$ 5,00 mensais (CLIQUE AQUI). Nosso assinante também participa de sorteios e lista de transmissão no WhatsApp. Para pagamento via boleto nos informe seu e-mail (@colunaecvitoria@gmail.com).  

Planos:

Mensal 5,00: Semestral: 28,00:  
Anual: 55,00:   

0 comentários:

Postar um comentário