Papo Tático: Cruzeiro 0 x 0 Vitória

O Vitória voltou a campo neste último domingo (30) para o duelo diante do Cruzeiro, no Mineirão, partida que marcou a reestreia de Vagner Mancini no comando do rubro-negro.
O empate sem gols acabou sendo lucro devido às chances desperdiçadas pelo adversário, graças à boa atuação do goleiro Fernando Miguel. Por outro lado, se observarmos um pênalti claro não marcado a favor do Vitória, o resultado poderia ter sido diferente.
Mas enfim, nosso Papo Tático é para discutir a atuação da equipe dentro das quatro linhas.

Esquema Tático

Com Mancini o Vitória atuou no 4-2-4 variando para o 4-4-2 sem a posse de bola. A equipe rubro-negra marcava a partir do meio campo, deixando os zagueiros do Cruzeiro com a bola, e apertando a marcação a partir dos volantes.


Na imagem o Vitória postado no 4-2-4. A escalação inicial foi formada por: Fernando Miguel; Caíque Sá, Kanu, Wallace e Juninho; Ramon e Correia; Yago, David, Carlos Eduardo e Tréllez.

Modelo de jogo

Sobre modelo de jogo as diferenças foram poucas em relação ao início e meio do trabalho de Gallo, por dois motivos. Primeiro que algumas ideias e conceitos de utilizados por ambos os treinadores são semelhantes. Segundo, o pouco tempo de trabalho seria difícil uma mudança muito drástica.


Para poder continuar lendo este e todos os conteúdos completos, seja nosso assinante por apenas R$ 5,00 mensais (CLIQUE AQUI). Nosso assinante também participa de sorteios e lista de transmissão no WhatsApp. Para pagamento via boleto nos informe seu e-mail (@colunaecvitoria@gmail.com).  

Planos:

Mensal 5,00: Semestral: 28,00:  
Anual: 55,00:    

0 comentários:

Postar um comentário