ANALISANDO O CONTRATADO: Alan Costa

Alan Henrique Costa, o Alan Costa, é paulista, nasceu na cidade de Araraquara/São Paulo. Atua como Zagueiro, tem 26 anos, mede 1,94, e é Destro. Atleta revelado nas categorias de base da Ferroviária de Araraquara. Em 2009 atuou no Palmeiras B. Voltando a Ferroviária jogou de 2010 a 2011, com uma passagem rápida pelo São Bento em 2010. Chegou ao Internacional ainda jovem e com idade pra sub 21. Após adquirir 50% dos seus direitos, o atleta passou a figurar em várias partidas do colorado. Suas melhores temporadas foram 2014 e 2015. Zagueiro de porte físico avantajado, Alan nos seus 1,94 metros de altura mostrava aos clubes europeus um perfil parecido ao de Luisão, craque do Benfica, sendo esse o clube que sondou o atleta nessa boa fase. Suas principais características são, marcação forte de 1x1, força, controle de bola. É um zagueiro que tem uma boa condução de bola e consegue romper linhas com ela dominada. Prefere usar o combate físico mais que a antecipação. Peca em posicionamento por não olhar a linha, mas faz o balanço defensivo rápido e trabalha bem a leitura e senso de cobertura. Se coloca mal pra bolas aéreas laterais e mesmo com tanta estatura acaba ficando perdido. 

Vamos evidenciar com capturas as faixas de campo mais exploradas por Alan Costa.

POSICIONAMENTO

Alan Costa pouco utiliza a perna esquerda e é um zagueiro que só atua pela direita. Atleta que não vai bem nas bolas aéreas ofensivas e por isso só tem um gol na carreira. No entanto, se destaca em outras virtudes, como cortar o ultimo passe dos meias adversário e mostra boa velocidade quando sai na caça do oponente. 

Perseguição: Nesse lance ele ultrapassa o atacante e depois desarma
 Na fase defensiva marca bem por zona, e gosta de jogar na sobra como um antigo libero. Causa facilidade pro adversário criar profundidade de jogo, mas ele é seguro nas coberturas.



Na fase de construção sabe avançar com a bola dominada sem receio e ultrapassa terços do campo. Pelo menos na sua melhor fase.

A fase ofensiva de Alan não existe destaque algum.

Agora, vamos pontuar questões individuais como: física, emocional, técnica, tática e características especificas.

Vamos ao que interessa. Pontuação de 1 a 10:

POSIÇÃO: Zagueiro   CARACTERÍSTICAS: Marcação, Condução, Força.

FÍSICO: Nota 9
Atleta aparenta biotipo físico perfeito pra função. E tem boa explosão física.

EMOCIONAL: Nota 7
Bom nível de concentração. Mas sentiu muito a fase do time inteiro do inter.

TÉCNICA: Nota 8
Habilidade boa de controle de bola e condução.

TÁTICA: Nota 7
Tem problemas de posicionamento em bola aérea e falta noção na primeira linha

FINALIZAÇÃO: Nota 6
Pouco se arrisca a finalizar com os pés e com a cabeça.

VELOCIDADE: Nota 8
Zagueiro tem boa velocidade, por conta das passadas largas pela altura e explosão.

TEMPO DE BOLA: 8
Quando bem posicionado apresenta bom tempo de bola no alto.

ANTECIPAÇÃO: 7
Atleta não utiliza muito a antecipação, prefere o combate corpo a corpo e as perseguições.


MÉDIA: 7.50

CONSIDERAÇÕES FINAIS

Alan Costa pode voltar a atuar na média de 2014 e 2015. O Alan Costa de 2016 não barra o Kanu do Vitória de 2016. Mas acreditamos que o normal do atleta seja os da temporada de 2014/2015, nada de extraordinário, mais o bastante para estar um nível acima do nosso bom defensor Kanu que também pode melhorar. Aos 26 anos Alan pode conseguir no Vitória a chance de ganhar mais bagagem e crescer, como também pode ir mal e declinar de vez sua carreira. No Inter em 2016 apresentou uma queda técnica que todos os outros atletas apresentaram, é necessário pesar aquele momento, apesar de entendermos que futebol é momento, o torcedor que criticou a chegada desse atleta pode se surpreender, caso ele tenha cabeça boa pra passar por cima dessa fase e dificuldade. Apresenta boa força, boa velocidade, antecipa pouco, mas quando o faz consegue exito por conta das pernas longas, se posiciona mal para as bolas alçadas, mas treino corrige isso. Seu diferencial é a saída com a bola rompendo linhas inimigas, coberturas e bloqueios de chutes e passes. Alan Costa ficou abaixo da média considerada minima por nós que é de 8, mas é só perceber que se ele melhorar em "antecipação e tática" e recuperar a fase, vai atingir o ideal. Não pretendemos aqui nessa análise esgotar toda pesquisa sobre as características a cerca do atleta e sim mostrar com um pouco de visão de quem está fora do Vitória, solicitando ao torcedor uma chance pro atleta tentar dar  volta por cima aqui. O mercado tinha boas opções pra defesa, não o teria contratado se fosse eu o Presidente do clube, mas não posso dizer que é um zagueiro horroroso. Tirando esse ano desastroso do Internacional, é um zagueiro na média do que se ver por aqui. E nada impede de chegar e arrebentar.


Por Adson Piedade / @AdsonPiedade
Foto: Edição nossa

Fiquem ai com um vídeo completo e editado do atleta e notem.

0 comentários:

Postar um comentário